Logo
Mafalda Beirão
Mafalda Beirão

Equipa BYD

Mafalda Beirão

Copywriter|Community Manager

A Mafalda é uma das nossas mais recentes aquisições e – desastrada como é (não sabíamos quando a empregámos) – é uma vitória só se ter sujado ao fim de duas semanas. Mas claro, tinha que ser minutos antes de entrar para a sua primeira reunião com um cliente e numa camisa branca. Perdemos o negócio. Mas ganhámos uma grande copy.

Diz ser uma curiosa por vocação e aparentemente acha que isso a deixa espreitar pela fechadura da casa de banho dos homens. Mas não. Já chega, Mafalda. Está a ficar estranho.

É também curiosa por tudo aquilo que seja relacionado com a comunicação – como qualquer um cujo signo seja gémeos. Sim, ela é dessas que liga a essas coisas e que vos vai dizer que tem ascendente em leão e a lua em caranguejo, mesmo antes de vos perguntar a vossa data e hora de nascimento para vos (tentar) ler o mapa astral. Se não gostar de vocês, ainda pinga maldição. Portanto pensem duas vezes antes de nos despedirem.

Está sempre em busca de aprender algo mais e acredita que o conhecimento não é demais. Faz parte daquele grupo de pessoas que acha que estudar a mente dos outros é fascinante e sempre quis trabalhar com crianças, o que a fez tornar-se Psicóloga Educacional. (Agora trabalha com crianças na Byd, mas não lhe chamaríamos psicóloga. É mais baby-sitter.) Sempre quis ajudar os outros e perceber porque é que algumas crianças não conseguem aprender tão rápido como deveriam – até no primeiro ano, quando batia nos colegas porque eles não sabiam ler, fazer ditados ou somar 2 com 3.

É uma apaixonada pelo mundo digital – o que a fez tirar um curso em web design, outro em marketing digital, criar um blog, alimentar várias contas de Instagram, criar conteúdos para sites… – mas não sabe viver sem ter um papel e caneta por perto, nem que seja para se organizar. Ah, e sem uma máquina de fotografia analógica atrás. Não sabe dizer quantas tem mas se lhe perguntarem o melhor feeling, a resposta é óbvia: o cheiro das fotografias acabadinhas de revelar. (Excepto nudes. Essas já lhas pedimos mas não revela.) Tem a casa cheia delas (nudes?) e acredita que há sempre espaço para preencher as paredes vazias com mais um momento impresso em papel.

Se lhe perguntarem onde vivia para o resto da sua vida, vai responder-vos, sem pestanejar, que Nova Iorque é a única opção. Dava tudo para poder viajar pelo mundo inteiro mas acredita, de tal forma, que NYC é a melhor cidade do mundo que resolveu marcá-lo a tinta permanente no seu corpo – onde já são várias as tatuagens que já tem. E irá parar por aqui? Provavelmente não, para grande desgosto da sua mãe.

Por último, se lhe mostrarem uma música é altamente provável que ela a decore num instantinho. Não passa um dia sem ouvir música e há quem diga que a sua cabeça é uma verdadeira jukebox musical – uma ótima companhia para as viagens de carro ou idas ao karaoke. Um verdadeiro show sem sequer ter que pagar! Se bem que a única que lhe pedimos, não a canta. Estamos a pensar criar uma petição pela BYD: “Queremos Despacito”.